Música

Confira TUDO o que vai rolar no 12º Festival Se Rasgum

Programação começa nesta segunda e segue até sábado

A partir desta segunda (13) até sábado (18) acontece em Belém a 12ª edição do Festival Se Rasgum. Evento que leva para vários espaços da cidade atrações de todas as regiões do Brasil, painéis, workshops, rodada de negócios, mostra de documentários e ação ambiental.

Mais uma vez os shows vão ser recebidos por diferentes locais, este ano no Teatro Margarida Schivasappa, Café com Arte, Ziggy Club, Estação das Docas, Açaí Biruta e, de volta às origens, no Parque dos Igarapés – este ano com três palcos. Os ingressos para o 12º Festival Se Rasgum já estão à venda no Sympla.

Confira as atrações musicais que vão subir ao palco desta edição do Festival:

14.11 – TEATRO MARGARIDA SCHIVASAPPA
21h30 – Ava Rocha (RJ)
20h30 – Estrela Leminski & Téo Ruiz (PR)
19h30 – Marisa Brito

Ziggy Hostel Club
Noite Midsummer Madness

23h30 – Lava Divers (MG)
1h – Loomer (RS)

+ DJ Rodrigo Lariu

15.11 – CAFÉ COM ARTE
22h Selvagens À Procura de Lei (CE)
21h – Dois na Janela
20h – The Baudelaires

+ DJs
Felipe Proença (19 às 20h30)
Tércio (20h30 às 22h)
Mancha (22h a 0h)
Alex Roots – 17 às 19h

16.11 – ESTAÇÃO DAS DOCAS
22h Francisco, El Hombre (SP/Mex)
21h Baile do Mestre Cupijó
20h Juliana Sinimbú

Ziggy Hostel Club

Noite Balaclava

1h – Terno Rei (SP)
+ DJ Fernando Dotta
+ DJ Rafael Farah

17.11 – AÇAÍ BIRUTA
0h – Cidadão Instigado (CE)
23h – Maglore (BA)
22h – Molho Negro
21h – Turbo
20h – Giovani Cidreira (BA)
+ DJs Fliperama

18.11 – PARQUE DOS IGARAPÉS
17h – Kikito
18h – Inesita
19h – Projeto Rivera (CE)
21h – Eloi Iglésias
23h – Os Reis do Eletro
0h – Uaná System
1h – DJs Black Soul Samba + DJ Morcegão
3h – DJs Meachuta

17h30 – Andro Baudelaire
18h30 – André Prando (ES)
19h30 – Muntchako (DF)
21h30 – Machete Bomb (PR)
23h30 – Ventre (RJ)
0h30 – Pro.efx
2h – DJs Bell Hell
4h – Baile Tropical

20h – Nazaré Pereira
22h – Baiana System
0h40 – Emicida (SP)
2h40 – Afrika Bambaataa (EUA)
3h40 – João Brasil (RJ)

CONFIRA OS PAINÉIS, WORKSHOPS E MOSTRA DE CINEMA DESTA EDIÇÃO

Todos tem entrada franca.

Programação Music on The Table:

SEGUNDA – 13/11

18h – Painel “Economia Criativa – conhecer e reconhecer uma Amazônia Criativa”
Palestrante: Lorena Saavedra (Amazônia Criativa)
Local: Solar Colaborativo

19h – Painel “Música e Negócios – o Sistema Produto-Serviço na Música, um olhar de Design Estratégico”
Palestrante: Iuri Freiberger
Local: Solar Colaborativo

TERÇA – 14/11

16h – Painel “Editais de Patrocínio do Banco da Amazônia: principais dúvidas sobre elaboração de projetos e processo de seleção”
Palestrante: Ewerton Alencar (Banco da Amazônia)
Local: Ziggy

17h – Painel “Streaming, um caminho sem volta”
Palestrante: Brunno Constante (OneRPM)
Local: Ziggy

QUARTA – 15/11

15h – Workshop “Técnica vocal para cantores”
Facilitadora: Marisa Brito
Local: Sesc Boulevard

16h – Painel “FIMS – Feira Internacional de Música do Sul (Curitiba)”
Palestrantes: Estrela Leminski e Téo Ruiz
Local: Ziggy

17h – Painel “Música, Transformações e Inclusões
Mediadora: Ana Clara
Convidados: Eloi Iglesias (Filhas da Chiquita), Renata Beckmann (Guitarrada das Manas), Glória Caputo, Ava Rocha
Local: Ziggy

QUINTA – 16/11

14h30 – Workshop “Noções Básicas de Áudio para Produtores Culturais”
Facilitador: Bernardo Pacheco
Local: Casarão Floresta Sonora

16h – Painel “Oi Futuro – LabSonica”
Local: Ziggy
Palestrante: Luciana Adão (Coordenadora de Patrocínios Culturais Incentivados no Oi Futuro)

17h – Painel “Música e a Cidade”
Local: Ziggy Hostel Club
Mediadora: Sônia Ferro Robatto (Secom, Lambada Produções)
Convidados: Gutie (Festival RecBeat -PE), Luciana Simões (Festival BR 135 – MA), Fernando Rosa (Festival El Mapa de Todos – RS)

SEXTA – 17/11

10h – Painel “Le Bureau Export: Conexão Musical França e Brasil”
Palestrante: Alice Joseph-Edouard (Le Bureau Export – França)

10h30 – Workshop “Exportação da Música: desenvolver iniciativas internacionais não é tão difícil assim”
Facilitador: Leandro R. Silva. (BM&A)
Local: Aliança Francesa

15h – Rodada de Negócios da Música Paraense
Local: Ziggy
Convidados:
Luciana Simões e Alê Muniz (Festival BR 135 – MA)
Felipe França (Difusa Fronteira – Núcleo de Integração Cultural Brasil América Latina – SP)
Fernando Dotta + Rafael Farrah (Balaclava / Breve – SP)
Mancha (Casa do Mancha / Festival Fora da Casinha – SP)
Fernando Rosa (Festival El Mapa de Todos – RS)
João Wilson Damasceno (Centro CultAural Dragão do Mar – CE)
Gutie (Festival Rec Beat – PE)
Marília Feix (Revista Noize – RS)
Roberta Martinelli (Rádio Eldorado e Estadão – SP)
Vince Athayde (Commons – BA)

18h – “Apenas um rapaz latino americano”, sessão de autógrafo da biografia de Belchior
Com: Jotabê Medeiros
Local: Ziggy

Programação – Mostra In-Edit

Líbero Luxardo, a partir das 19h.

Segunda-feira (13)

Bambas (20’) – Direção: Anná
Sinopse: O Samba é feminino? Diversas mulheres sambistas de São Paulo, de diferentes lugares, classes sociais e idades, falam sobre como se impor em um ambiente em que ainda é predominantemente masculino.

Piano Forte (10’) – Direção: Anabela Roque
Sinopse: Maurício Maia é um músico amador, autodidata. Vive na Baixada Fluminense, subúrbio do Rio de Janeiro. Cada vez que quer tocar piano, ele empreende uma viagem desde a periferia até ao centro da cidade. Maurício acredita que a sua música vai guiar o seu futuro, ter um piano é fundamental.

Samba de Cacete – Alvorada Quilombola (26’) – Direção: André dos Santos, Artur Arias Dutra
Sinopse: Intimamente ligado ao trabalho na lavoura, o Samba de Cacete é uma tradição cultural da comunidade negra que vive às margens do Rio Tocantins, na região de Oeiras, no Pará. O filme mostra música e danças surgidas no tempo da escravidão.

Bendito Batuque (29’) – Diretor: Chico Galvão, Edgard Galvão
Sinopse: A Família Soledade, que vive em um bairro distante em Piracicaba é formada por exímios batuqueiros de umbigada, um ritmo ancestral trazido por negros de Angola e do Congo. Na festa de São João, eles reúnem a comunidade e, junto com batuqueiros de outras cidades, celebram a fertilidade e comungam suas raízes africanas.

House Sounds (18’) – Direção: Bruno Ramos
Sinopse: Dois manos da periferia de São Paulo são os responsáveis por divulgar a cultura do Soundsystem nas quebradas da cidade. Aqui, eles mostram as dificuldades do processo de construção do sistema e as influências da música jamaicana em suas vidas.

Terça-feira, 14 de novembro

Cinebiogravura (28’) – Direção: Luís Rocha Melo
Sinopse: Com apenas recortes de jornal, pedaços de cartas e fotos, o diretor Luiz Rocha Melo conta a história de seu pai, um radialista que comandou um programa de jazz nos anos 50 no Rio de Janeiro, apresentando artistas como Thelonious Monk e Sonny Rollins a seus ouvintes.

Eu sou Raul Torres, violeiro sim Sinhô (25’) – Direção: Leandro Ferrari, Daniel Figueira
Sinopse: Raul Torres foi um dos grandes compositores e pesquisadores da música caipira na primeira metade do século XX. Através de depoimentos de músicos e pesquisadores, o documentário relembra sua história e sua importância para o enraizamento da música caipira no cenário musical.

A vida é um improviso (28’) – Direção e Produção: Vicente Oliveira
Sinopse: A complexidade e a riqueza musical contida na livre improvisação musical se manifesta em diversos gêneros populares de norte a sul do país. Por meio de depoimentos e apresentações de grandes músicos, o filme entra em contato direto com o universo musical de cada artista, ampliando um pouco mais a compreensão sobre a improvisação na música instrumental brasileira.

Cena Musical Contemporânea em 4 Tempos – São Paulo (20’) – Direção: Tamy Marraccini
Sinopse: Três compositores contemporâneos apresentam seus processos criativos e diversas influências: imagens, acontecimentos, lembranças, sonoridades, ritmos, reminiscências sonoras. O filme é uma pequena amostra da cena da música contemporânea de São Paulo, um movimento musical pouco conhecido do grande público.

Acesse o site do 12º Festival Se Rasgum. 

*Com informações da assessoria
  Foto: Divulgação

Serviço

De 13 de novembro - SEG

Até 18 de novembro - SÁB

Programação completa na matéria

(91) 3038-3950

R$ 100 (passaporte completo) R$ 50 (parque dos igarapés)