Cinema

Documentário paraense no Sesc Boulevard

Filme mostra o quilombo do Abacatal

O documentário paraense “O Caminho das Pedras”, de Alexandre Nogueira e Fernando Segtowick, vai estrear no Sesc Boulevard, na próxima quinta-feira. O filme conta as histórias do quilombo do Abacatal em Ananindeua, uma região especial na história da luta pelo reconhecimento das populações tradicionais da Amazônia.

O local é um quilombo de herança, reconhecido por pesquisadores, mas que guarda uma história curiosa: a região pertencia, 300 anos atrás, a um conde português. No entanto, o nobre sem filhos com a esposa, teve três filhas com sua escrava Olímpia: as três Marias. Ele deixou a terra de herança para elas. Os filhos das três marias formaram três grandes famílias que até hoje habitam no lugar. Confira o teaser.

Em 2014 foi lançado o Edital de Curta-Metragem Afirmativo voltado para produtores e diretores negros e com temática ligadas à questão racial. Foi aí que Amanda Pris, que já tinha interesse em produzir sobre a temática, achou que era hora de contar a história do Abacatal. Em 2015, em parceria com as produtoras Clarté e Marahu, ela montou o projeto que foi classificado em 1º lugar nacional no Edital.

“ ‘O Caminho das Pedras’é um registro poético de um lugar especial, com uma história rica que corre ainda o risco de desaparecer, por isso optamos por filmar de uma maneira diferente sem entrevistas formais, mas produzir o filme de forma muito sensorial, com o objetivo de levar as pessoas até aquele lugar”, explica Fernando Segtowick.

O filme será exibido pela primeira vez no dia 25 de maio, no Sesc Boulevard, às 18h.  A ocasião integra a programação da Mostra Sesc de Cinema 2017 e após a sessão de “O Caminho das Pedras” outros três curtas metragens serão exibidos.  A entrada é gratuita.

*Com informações da assessoria
Foto: Divulgação

Serviço

25 de maio - QUI

18h

Centro Cultural Sesc Boulevard

Av. Boulevard Castilhos França, 522

(91) 3224-5654

Grátis