Artes Visuais

Fotógrafo mineiro lança livro sobre Belém

A obra reúne diversas fotografias da cidade

O fotógrafo mineiro Cyro Almeida, visitante constante de Belém, registrou os bairros da periferia da cidade dando atenção para o cotidiano paraense, para arquitetura local e modo de organização social. O resultado é o projeto “Pequena Rota do Insuspeitável”, que foi contemplado com o XV Prêmio Marc Ferrez de Fotografia, da Fundação Nacional de Artes (Funarte), na categoria Documentação Fotográfica do Brasil.

O trabalho resultou em um fotolivro em formato tabloide, com 32 páginas. A publicação contém as fotografias realizadas durante o período de dois meses de imersão na capital paraense e após ser distribuído nos locais fotografados, será lançado no Foto em Pauta – Festival de Fotografia de Tiradentes, em Minas Gerais, que ocorrerá de 22 a 26 de março.

O fotógrafo percorreu os bairros de São Brás, Guamá, Condor, Jurunas e Cidade Velha – marcados pela incidência de assaltos e homicídios. A cada nova esquina que se preparava para fotografar, alguém tratava de alertá-lo do perigo iminente. Tal situação, apesar de não ser o mote principal do projeto, acabou se transformando em um metadiscurso do que ele produziu, viabilizado o livro em formato de tabloide – o mesmo dos jornais populares que estampam a violência cotidiana nas ruas da cidade.

Nas últimas semanas na capital paraense, Cyro Almeida revisitou os mercados públicos e as feiras para distribuir o tabloide às pessoas que havia mantido contato e fotografado. “A ideia é que esse material possa circular de forma massiva. Escolhi não fazer uma exposição nesse momento, pois é um tipo de veiculação mais restrita das imagens.”, explica.

*Com informações da assessoria
Foto: Cyro Almeida

Serviço

Grátis