Artes Visuais

“Paisagens da Memória” revela arquivo de Geraldo Ramos

Exposição aberta à visitação no Banco da Amazônia

O arquivo imagético do artista visual e fotógrafo Geraldo Ramos é o foco da exposição “Paisagens da memória- trajetórias de um olhar. Fotografias do arquivo de Geraldo Ramos”, fruto da pesquisa e organização da artista-pesquisadora Madalena Felinto, vencedora do Prêmio Banco da Amazônia de Artes Visuais 2019. A vernissage da exposição aconteceu no dia 16 de abril, no Espaço Cultural do Banco da Amazônia, e segue aberta à visitação até 14 de junho, sempre de 9h às 17h.

O projeto artístico é uma extensão do projeto de pesquisa “Uma poética no arquivo do artista: o contínuo desdobrar das paisagens da memória de Geraldo Ramos” (CAPES- PPGARTES- UFPA), onde arquivos imagéticos são abordados a partir de uma “poética em arquivos”, conceito elaborado pela artista-pesquisadora. O recorte apresentado nessa exposição contempla um passeio pelo acervo do fotógrafo, destacando uma Amazônia palmilhada por dentro, por águas, por chãos, pelo interior do interior amazônico.

É um reconhecimento da trajetória fotográfica de Geraldo Ramos na Amazônia paraense, pautada em mais de 45 anos de registros fotográficos, onde há aspectos da cultura popular paraense; registros de fotojornalismo; tipo amazônicos e paisagens reunidos na exposição. A mostra, porém, é um resultado parcial da pesquisa acadêmica, composta de imagens elencadas a partir das paisagens da memória de Geraldo Ramos. A dissertação de mestrado, atualmente, foi incorporada às leituras de um grupo de pesquisa da Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, para estudos de arquivos de artistas da Amazônia e as estratégias criativas de se pensar em arquivos, colecionismo nas artes, memórias, salvaguarda e exposições.

A exposição tem desdobramentos em site, oficinas, ciclo de seminários, lançamento de duas publicações (uma impressa e outra virtual) e finissage. Todas as atividades são públicas e gratuitas. O ciclo de seminários e a oficina serão desenvolvidos no Museu da UFPA, ao longo do período da exposição. No Espaço Cultural do Banco da Amazônia, onde está montada a exposição, haverá visitas mediadas e duas oficinas. A exposição e seus desdobramentos integrarão a 17ª Semana Nacional de Museus (em maio) e a 3ª Semana Nacional de Arquivos (em junho), bem como o repositório do International Council on Archives- ICA.

Além do patrocínio do Banco da Amazônia, apoiam o evento: o Sistema Brasileiro de Museus- SBM; Instituto Brasileiro de Museus- IBRAM; Arquivo Nacional; Fundação Casa de Rui Barbosa; International Council on Archives- Conseil International des Archives- ICA; Museu da UFPA; Programa de Pós-graduação em Artes da UFPA, PPGArtes- UFPA.

Na abertura do ciclo de seminários, no dia 24 de abril (quarta), no Museu da UFPA, vai acontecer um encontro com o fotógrafo Geraldo Ramos, o curador Emanuel Franco e a pesquisadora Madalena Felinto, que é aberto ao público, a partir de 9h.


Serviço

De 16 de abril - TER

Até 14 de junho - SEX

18h30 - Abertura no dia 16/04

9h às 17h - visitação

Espaço Cultural do Banco da Amazônia

Av. Presidente Vargas, 800 - Campina

(91) 98891-9690

mariafelintoramos@yahoo.com

Grátis
Curadoria: Emmanuel Franco - Pesquisa: Madalena Felinto