Cinema

Suspense e mistério no longa “Culpa”, de Gustav Möller

Na tela do Cine Líbero Luxardo, sessão às 20h

A partir desta quinta-feira (14), às 20h, entra para as sessões regulares do Cine Líbero Luxardo, da Fundação Cultural do Pará (FCP), o filme “Culpa”, de Gustav Möller. Na trama, Asger Holm (Jakob Cedergren) atende uma chamada de emergência de uma mulher sequestrada. Quando a ligação é subitamente desconectada, a busca pela mulher e seu sequestrador começa. Tendo o telefone como sua única ferramenta, Asger entra em uma corrida contra o tempo para salvar a mulher. Mas logo percebe que ele está lidando com um crime que é muito maior do que pensava.

O diretor do longa disse que a ideia do filme surgiu quando ele se deparou com uma ligação do 911. Na conversa ao telefone, uma mulher sequestrada, que estava dentro de um carro e ao lado de seu sequestrador, falava em códigos. No princípio, Gustav conta que estava apenas preso ao suspense da ligação, assim como qualquer outra pessoa faria. Aí então ele começou a refletir sobre o que a tornava tão intrigante.

A obra foi exibida nos festivais de Sundance e Roterdã, além de participar da Mostra Internacional de Cinema em São Paulo, no Festival Internacional de Cinema no Rio e no 6º Festival Internacional de Cinema de Brasília (BIFF), onde levou o prêmio de Melhor Filme do Júri Oficial e Melhor Filme segundo voto popular. “Culpa” foi o indicado dinamarquês ao Oscar 2019.

As sessões regulares do Cine Líbero Luxardo vão acontecer nos dias 14 a 17  e  19 e 20 de fevereiro, às 20h. Na semana seguinte, de 21 a 24 e de 26 a 28 de fevereiro, as exibições serão às 18h. Na sessão de estreia a entrada é franca para estudantes. Confira o trailer.

Serviço

De 14 de fevereiro - QUI

Até 28 de fevereiro - QUI

20h - de 14 a 17 / e dias 19 e 20 FEV

18h - de 21 a 24 / de 26 a 28 de FEV

Cine Líbero Luxardo

Av. Gentil Bittencourt, 650

Inteira: R$ 12,00 | Meia: R$ 6,00
Na sessão de estreia a entrada é franca para estudantes.